Proposta de organização da CONEP feita pelo COREP-SP

Proposta de organização da CONEP feita pelo COREP-SP

 O Conselho Regional dos Estudantes de Psicologia do Estado de São Paulo (COREP-SP),composto por estudantes da UFSCAR, UNIFESP, USP, Mackenzie, São Camilo, PUC-SP, PUC-Campinas, USP, etc, vem atuando em conjunto das diretrizes e demandas da Coordenação Nacional dos Estudantes de Psicologia (CONEP) durante o último ano e vem percebeu algumas contradições o sobre a organização da entidade nacional e como ela dificulta a representação e as articulações regionais dos estudantes.

A CONEP passou nos últimos 5 anos por um grande processo de descentralização, como reflexo da conjuntura nacional, principalmente em relação a concepção de educação e das políticas educacionais. De acordo com as diretrizes aprovadas, esse formato buscaria uma maior aproximação dos estudantes com as entidades regionais de estudantes de psicologia, entretanto isto causou um grande esvaziamento da entidade nacional e que, devido alguns problemas organizativos, não conseguiu mais ampliar as suas discussões e articular suas organizações regionais.

Sabendo da importância de organização regionais pois é o que possibilita um laço mais estreito entre os estudantes possibilitando capilarizar as informações e realizar ações, fazendo um movimento estudantil mais combativo e voltado pra a práxis.

Assim, nós do COREP-SP propomos as seguintes mudanças de organização da CONEP, para serem debatidos no 23º ENEP:

 – que a CONEP se torne representativa dos estudantes de psicologia

 – que os CONEPSIs funcionem por um voto por universidade. O modelo atual de organização do CONEPSI privilegia a sede da reunião e os estudantes que tem dinheiro para viajar, sendo uma prática elitista. Se voltarmos ao modelo de um voto por universidade, os CAs terão condição de mandar apenas um representante por reunião e será igualmente representado como os demais CAs do país, incluindo aqui a sede do encontro, o que seria uma postura mais democrática. Além disso, incentivaria estudantes a disputarem as suas entidades de base, ou a criarem entidades de oposição aos centros acadêmicos centralizados pelas políticas de direita ou governistas.

– Que a gestão da CONEP seja articulada por coletivo regionais, que devem ter a composição mínima de 3 centros acadêmicos de psicologia da região. Estas articulações regionais terão como função marcar reuniões abertas a todos os estudantes de psicologia de sua regional e discutir os assuntos da CONEP, assim como assuntos que tratem pautas regionais dos estudantes psi. A gestão da CONEP se reunirá virtualmente quando necessário e nestas reuniões virtuais funcionaremos com um voto por regional. As regionais deverão ser divididos de acordo com a demanda que for levantada no ENEP, dentro de um raio geográfico que possibilite que os centros acadêmicos que formarão esta coordenação regional possam se reunir com certa facilidade. Com este modelo a CONEP terá sua gestão formada por centros acadêmicos que se agruparam por regionais que farão reuniões presencias/virtuais e representarão sua regional nas reuniões nacionais.

 Conselho Regional dos Estudantes de Psicologia do Estado de São Paulo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s