Relatoria 09.04

Presentes: PUC-SP, PUC-CAMP, São Camilo, Metodista-SP, UNIMEP.  Todas privadas! <0.0>

 Realização da atividade

“Apresentação do COREP-SP: Uma historia de luta e conquistas dentro do movimento estudantil em são Paulo”

 

Informes

Metô:

Steh -> Teve uma tretra enorme no C.A. e eu fiquei sozinha no ano passado. Ano passado foi muito desgastante, então esse ano desencanei do c.a. e comecei a atuar e investir energia fortemente em outros movimentos com uma galera realmente comprometida que faz e fala. Em novembro houve reunião com os representantes de sala a respeito de uma eleição, só que ninguém se manifestou em construir uma comissão eleitoral. Semana retrasada/passada uma pessoa que formava o centro acadêmico (mas colou em 3 reuniões só)  mandou um email falando que uma chapa dele tinha sido eleita e ele pediu as senhas da entidade. Ele falou que mandou um e-mail de interesse para alguns alunos (sem regimento e estatuto). Eu me recusei a mandar as informações do c.a , já que é um processo ilegítimo. Esse estudante falou que vai criar outro blog, página e afins. Acredito que na Metô vai ficar sem movimento neste ano, e se tiver vai ser um movimento despolitizado.

Feminismo sem Demagogia: Atividade em São Paulo no qual vai discutir o feminismo a partir de uma perspectiva classista, visualizando as contradições do patriarcado e do capitalismo.

Movimento “Meu Corpo Minhas Regras” está bombando, foi desenvolvido após um assédio que eu recebi no trem, e em união com várias pessoas que sofreram algum tipo de opressão similar.

Pro Wallace: O CRP São Paulo tem arquivado um projeto a respeito da utilização de animais no ensino das universidades. Em Alfenas é proibido o uso de animais, dá uma pesquisada.

 

UNIMEP:

Wallace: Uma nova gestão do c.a. foi formada, com pessoas de diversos anos –gente ainda conseguiu articular uma reunião pra falar com o diretor do curso, para realização do trote e calendário de atividades. Na manhã a gente conseguiu fazer com sucesso, mas a noite saiu fora do controle.. uma galera do segundo ano da psico que não tinha nada haver com o c.a. apareceu com substâncias fétidas e jogou nos calouros e acabou dando problema, já que quebrou o contrato que fizemos com o diretor.

Um membro do c.a. elaborou um abaixo assinado para parar de utilizar animais nas aulas de behaviorismo. A gente está buscando fazer um debate a respeito desse tema, já está rolando no facebook – mas queremos trazer para uma sala.

Mudamos a semana da psico para o segundo semestre, não estamos com o c.a. legalizado – mas estamos na luta. Vai acontecer uma JAC (jornada de analise do comportamento) em junho, a que rolou ano passado foi muito boa. Vamos buscar colocar algum espaço de psicanálise.

Estou trabalhando em uma ONG de direitos humanos com enfoque em sexualidade. Centro de Apoio a Solidariedade a Vida (CASV), o projeto que estou trabalhando é o sangue bom e foca na redução de danos com a população de rua. Estou procurando material sobre drogas, estamos montando um núcleo sobre drogas para formação do pessoal. Achei muito massa um projeto deles chamado vivendo a diversidade, no qual trabalha sexualidade nas escolas públicas (tem parceria com a secretária). Esquina da noite é outro trabalho que envolve profissionais do sexo, no qual envolver desde captações em UBS até informações de direito d@s trabalhador@s.

Existe um coletivo chamado Abrande que trabalha com drogas, é um espaço muito rico com diversos profissionais muito bons. Anuidade de 70 reais para estudantes, é um espaço com diversas vivências. Vai ter uma palestra com a jornalista que escreveu o  Holocausto Brasileiro.

Steh: A respeito de drogas, tem o consultório de rua em SBC que é um espaço interessante para obter informações.

Wallance: Estamos intervindo em um caps AD (que não trabalha em uma metodologia da luta) sobre redução de danos e intervenções mais dignas para com os usuários.

 

PUC-SP:

Thiago:  Vai rolar um encontro em são Paulo sobre estudantes de behavorismo. E tem um conteúdo interessante, desde o preconceito ao estudo até questões sociais.

A questão dos animais já foi tema no ENEP 2011, mas foi muito fraco e isso nunca foi um tema muito trabalhado. Só que caso tenha um pessoal disposto, é um debate que pode voltar a ser da CONEP.

Teve a calourada esse ano, sentimos que agregou muito pouco calouro no C.A. Teve poucos calouros na reunião atual.

Na psico temos uma matéria de psicopato bem conservadora, e a parte prática da matéria é visita a hospital psiquiátrico e fica legitimando o espaço. Após a semana do 18 de maio, os alunos começaram a organizar um movimento para mudar a matéria. Diversos professores ficaram contra o pessoal do C.A. nesse movimento. Conseguimos tirar uma assembléia, e após muito tempo de conversa – conseguimos que metade das visitar sejam na rede substitutiva (CAPS, residências terapêuticas, Centro de convivência, etc).

A gente tava pensando em como fazer a comissão (gt psicopato) ser efetivamente deliberativa. Teve um dia de festa na qual umas garotas retiraram a camisa e umas pessoas começaram a olha de forma não apropriadas para elas, e um funcionário de um c.a. passou a encarar elas e estavam tirando fotos das meninas, e eles afirmaram “ser só uma brincadeira”. As garotas foram tirar satisfação com um pessoal burocrata da facu, e ele afirmou que ela não deveria estar sem camiseta. Os amigos a desencorajaram de continuar nessa luta. Ela chegou devastada no c.a. A gente tirou que março ia ser um mês para debater questão de gênero, tem diversas propostas já e segunda vamos debater isso.

 

São Camilo:

Paulo Alexandre: A respeito da demissão da professora que iniciou a discussão da precarização do curso, acabou morrendo essa questão neste ano de 2014. A Letícia foi convidando um pessoal para fazer parte da chapa, e o fato interessante foi o medo de não ter mais c.a.

Letícia: O pessoal que formava o c.a. vai sair, e isso assustou o pessoal.

Paulo: As eleições para a comissão discente, na qual a diretora colocava uma pessoa a seu bel prazer, ela fez uma reunião com uma pequena amostra de pessoas e tem como um fator avaliativo ser representante de sala. Vai ter uma eleição (que normalmente não é fachada), e surgiu um movimento para votar na Letícia. Acho interessante ter um número de votos, mesmo que a outra pessoa seja eleita, para poder ter material para articular com a Jônia a falta de democracia da universidade .. é claro que se a Letícia for eleita, não vai precisar disso tudo.

Letícia: O processo de formação de chapa foi em cima da hora, e devido a isso não teve formação nem nada. O critério foi mais a boa vontade das pessoas, amanha vamos passar no noturno para convidar mais pessoas. Nossa proposta foi continuar as atividades da última gestão .

 

PUC-CAMP:

Forum popular de saúde esta sendo articulada no interior por dois estudantes de psicologia.

Contato com estudantes de americana e de alguns membros do COREP-SUL. O COREP-SUL até então não se propunha a debater politica cotidianamente, apenas organizar o encontro regional. Recentemente o assassinato de um de seus membros provocou uma mudança nessa perspetiva.

Espaço físico ainda fechado em função da não assinatura do contrato de comodato (é isso?). Será realizada uma ultima tentativa de reganhar o espaço por meios burocráticos, para posteriormente tentar algo pratico.

Os militantes mais novos não tem formação politica para uma ação pratica nesse sentido, e esta muito difícil acumular com o resto dos estudantes forças para uma ação dessas.

Muitos estudantes se aproximaram do C.A durante a calourada, que foi um espaço rico em debates políticos.

Mudança na diretora do curso. A anterior era muito autoridade.

O C.A se constituiu enquanto referencia politica entre os calouros criticante o curso e a faculdade durante a comemoração de seus 50 anos, em dissonância com o discurso da direção.

A construção do EIVI esta indo bem.

CONEPSI (Conselho nacional de estudantes de psicologia)

Aconteceu no fim de semana passado em Cuiaba. Teve formação política, discussão sobre o ENEP, intervenção no congresso brasileiro de psicologia e profissão (CBPP).

 

Repasse:

Espaço de formação foi muito legal, a respeito da saúde. Uma médica da região falou sobre a questão da OS e que quem está a frente do movimento é o sindicato dos médicos. Ela demonstrou dados que iam ser muito bons de para a gente se apropriar, como o antes e depois da privatização de hospitais e o grana investida e ações feitas .

O sindicato dos psicologos de Cuiaba é formado por três gerações da CONEP , e está funcionando muito bem. Está articulando com diversos estudantes , tem um GT que tem mais de 7 faculdades privadas. Eles trazem debates novos para a gente, como por exemplo o da 30 horas da profissão.

A galera que está construindo o ENEP atual é nova, e o pessoal não tem muito conhecimento da construção do espaço. O pessoal de Sobral quem escolheu fazer o encontro acabou revelando diversos problemas de comunicação (nem nas reuniões onlines), eles não estavam revelando como está rolando o encontro.

Acreditamos que ia ser muito ruim quebrar com a sede, já que ia gerar diversos problemas na construção de espaços. Uma representante da sede foi a reunião, e colocou como parte do tema “moradia e saúde”. Henrique ainda vai colocar a ata com as atividades do espaço.

 

FAZER O CERTIFICADO DA FLÁVIA DA PUC-CAMPINAS

 

Calendário de LUTAS!!!!!!

Debates sobre mega eventos:

http://daefi.files.wordpress.com/2013/09/cartilha-megaeventos-digital.pdf

abril: Campinas – Saúde (privatização) e psicologia (internação). 19/20

Maio: Habitação, transporte e o direito à cidade – São paulo 24/25

Junho: ? – UFSCAR – ?/?

Julho: São paulo – Desmilitarização da policia e da politica 19

 

Maruan: vou esfregar você no meu cabelo de tão condicionador que você é! (se referindo a Thiago)

 

lista de datas:

8 de março – dia internacional da mulher.

13 de março – Contra a copa!.

31 de março – ato contra a ditadura em campinas.

7 de abril – dia mundial da saúde.

26 de abril – marcha da maconha.

18 de maio – luta antimanicomial/ abuso a criança e o adolescente.

27 de agosto – dia do psicologo.

28 de setembro – dia da descriminalização do aborto.

20 de novembro – dia da conciencia negra.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s